Entenda a importância e como informar o prazo de validade do produto

Quando compramos um determinado produto, uma das informações fundamentais que este deve conter na embalagem é o prazo de validade, ele indica a vida útil do conteúdo comercializado. Isto é, o intervalo de tempo que tal produto permanece adequado e seguro para consumo.

Essa medida é tratada e imposta pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que tem como intuito registrar, fiscalizar, regulamentar e monitorar a produção e comercialização de produtos da indústria de alimentos, sendo um dos maiores órgãos responsável por esse controle.

Assim, para estar dentro da lei é importante informar o prazo de validade de determinados produtos. Por isso, entenda como realizar esse cálculo na prática para proporcionar total qualidade dos produtos aos seus clientes.

Por que a informação do prazo de validade é tão importante?

Além de ser obrigatório para os estabelecimentos, o prazo de validade contido nos produtos oferece vantagens, tais como:

  • confiança ao consumidor – credibilidade e transparência são algo transmitido ao consumidor por meio das informações contidas no prazo de validade;
  • garantia de segurança – já que as características químicas, físicas, funcionais e nutricionais do produto são mantidas;
  • evita riscos à saúde – a durabilidade do produto por meio do prazo de validade evita riscos à saúde do consumidor, pois as características físico-químicas são mantidas de maneira adequada;
  • reduz desperdícios – visto que é possível verificar a quantidade de produtos a serem produzidos, com menos ou mais frequência;
  • garante o cumprimento da lei – já que por meio da RDC n° 259, de 20 de setembro de 2002 da ANVISA, os produtos fabricados devem ter na rotulagem a informação do prazo de validade.

Como esse prazo é calculado?

Para determinar o prazo de validade de um produto, geralmente utiliza-se análises e testes laboratoriais rigorosos com o intuito de verificar mudanças físicas e químicas, como cor, sabor, textura, odor, aroma e contagem de microrganismos (leveduras, fungos e bactérias). Dessa forma, é possível analisar quando um produto pode ser consumido após a sua fabricação, sem haver modificações de suas características.

Além destes, outros testes são utilizados para determinar as condições específicas nos intervalos de tempo, entre eles podemos citar:

  • aspecto;
  • valor de pH e acidez total;
  • exposição à luz (UV e IV);
  • umidade relativa, entre outros.

Quais os riscos de não informar o prazo de validade de um produto?

Além de correr o risco de receber um ato de infração ou multa por não informar o prazo de validade, o consumo de um produto vencido pode trazer diversos danos à saúde, como dores estomacais, diarreia, intoxicação alimentar, cólicas e vômitos. A variedade e intensidade desses sintomas decorrem de alguns fatores, como a quantidade ingerida, tipo de alimento, potencial microrganismo contaminante, tempo de vencimento etc.

Desse modo, caso o consumidor compre um produto com a data de validade vencida, ele tem direito de solicitar a substituição deste item ou a quantia paga, sem prejuízos de eventuais danos e perdas. Por isso, é importante informar o prazo de validade do produto e garantir as características corretas e de qualidade para o consumidor.

Esse conteúdo foi interessante para você? Então deixe seu comentário, queremos saber a sua opinião.