Saiba como entender o comportamento do consumidor em padarias

Todos os dias tomamos uma série de decisões, não é mesmo? Muitas delas estão relacionadas a marcas e produtos, por isso, entender quais são os fatores que influenciam esses atos pode ajudar a determinar o comportamento do consumidor em padarias e, assim, vender mais.

Afinal, elaborar um planejamento de vendas implica em fazer esse mapeamento sobre o seu cliente, de modo que você consiga adaptar o negócio às mudança. Então, trata-se de uma atitude crucial para se manter atualizado e competitivo no mercado.

Pensando nisso, reunimos aqui algumas informações sobre os fatores que mais influenciam o comportamento do consumidor de lojas físicas, como padarias e confeitarias. Não deixe de conferir!

Cultura

Mesmo sendo seres independentes e conscientes dos próprios atos, as decisões das pessoas são motivadas por uma série de fatores. A cultura, definitivamente, é um deles. Afinal, desde o nascimento, estamos expostos a valores e princípios que moldam nossas atitudes.

Sendo assim, muitos dos costumes alimentares vêm da cultura do nosso país e, mais especificamente, da casa de cada um. Por exemplo, o pão francês de todo dia no café da manhã ou aquele bolo que sempre fez parte das nossas tardes.

Portanto, conhecer mais sobre os hábitos de seu público-alvo é bem importante para traçar um perfil dos consumidores. Lembrando que eles podem mudar, inclusive entre os bairros, então é preciso se manter atualizado. 

Faixa etária

Nossos hábitos de compras também variam bastante conforme a faixa etária, principalmente quando se trata do ramo alimentício. Acontece que nosso paladar muda gradualmente e passamos a preferir outros sabores.

Por exemplo, as crianças costumam pedir guloseimas mais coloridas e com uma boa dose de açúcar. Já alguns adultos ficam bem felizes com sabores menos doces, com frutas, nozes e até licor como ingredientes. Isso quer dizer que sua padaria deve estar preparada para atender a diferentes públicos e diversificar bem o cardápio oferecido.

Classe social

Esse fator diz muito sobre o poder aquisitivo das pessoas e, por essa razão, é um grande determinante para as compras. Isso quer dizer que pessoas de baixa condição financeira estarão mais interessadas em produtos acessíveis para a sua realidade. Por outro lado, aqueles de classes sociais mais altas precisarão de itens refinados e de uma experiência agradável com o produto.

Nesse caso, o papel de uma padaria que deseja vender mais é analisar realmente quem são os seus clientes. Qual é a realidade dos bairros vizinhos? E a classe social dos fregueses de seu estabelecimento? Quais são as prioridades deles? A partir desses questionamentos, é possível definir o planejamento de vendas, desde os produtos e preços até os tipos de abordagens mais eficazes.

Interesses e objetivos 

De pouco adianta oferecer produtos que não têm saída em sua padaria, certo? Mesmo mantendo a qualidade presente em cada item, se não for da preferência do cliente, dificilmente ele comprará. Inclusive, corre-se o risco de o consumidor deixar de frequentar o seu negócio por não considerá-lo mais como uma opção pertinente.

Tudo isso pode ser evitado se os interesses e os objetivos de seus clientes forem considerados em seu negócio. Para isso, faça testes e analise o que tem mais saída e os produtos mais procurados. Esteja pronto para atender desde pedidos corriqueiros até produções para festas de aniversário, por exemplo. 

Fazer uma análise sobre o comportamento do consumidor em padarias é uma atitude básica para estabelecimentos que desejam vender mais. Para atingir esse objetivo, faça uma pesquisa entre os clientes e analise bem a redondeza, considerando os fatores descritos aqui e com o foco em conhecer aqueles que frequentam o estabelecimento. Bons resultados virão, certamente.

Gostaria de ter mais informações como essas? É só assinar nossa newsletter e receber conteúdos diretamente em seu e-mail.