Mix de produtos em confeitaria e padaria: como montar o seu em 4 dicas!

Muitas pessoas têm o objetivo de abrir a sua própria confeitaria ou padaria e já estão, até mesmo, com tudo planejado: como será o local, onde etc., mas se esquecem de algo fundamental para o sucesso do empreendimento: o mix de produtos.

Em poucas palavras, trata-se daquilo que será ofertado aos consumidores. Pode parecer fácil definir um cardápio com pães, bolos e tortas, mas será que é mesmo tão simples assim?

Se você trabalha nesse ramo, já deve ter percebido que, às vezes, aquela nova receita que você considerava um sucesso não vendeu como o esperado, enquanto há outros produtos que não podem faltar nenhum dia.

Então, o que considerar na hora de montar o mix de produtos e garantir o sucesso do seu negócio? Nós contamos agora mesmo. Confira!

1. Avalie o seu histórico de vendas

Como acabamos de dizer, saber quais receitas são sucessos de vendas e quais não têm muita procura é o primeiro passo para começar a definir o seu mix de produtos. Mas além dessa visão mais ampla do que vende versus o que não vende, vale a pena aprofundar a sua análise de acordo com alguns fatores, como:

  • sazonalidade: alguns itens têm mais saída em alguma época do ano, como sobremesas geladas no verão?
  • horário do dia: qual é o momento em que os clientes buscam por cada produto? Com essa informação em mãos, é possível garantir os itens sempre fresquinhos e evitar desperdícios;
  • preferências: existe um ingrediente que seja sucesso garantido entre os seus consumidores, como o chocolate?

2. Entenda o seu público

Como você percebeu até aqui, é o perfil do seu público que vai ditar o seu mix de produtos, certo? Afinal, todo o seu trabalho é feito para ele. Portanto, é imprescindível manter-se atento às preferências dos seus consumidores e também às suas características, a fim de inovar sempre.

Por exemplo: se você notar que a clientela tem procurado itens mais saudáveis, com menos açúcar e farinha branca, é hora de investir em novas receitas e ofertar opções sem açúcar, sem lactose ou low-carb.

Se perceber a procura por tortas salgadas no final da tarde, pode ser um sinal de que os seus clientes estão em busca de um jantar, portanto, ofereça sanduíches frios e quentes ou pizzas.

3. Faça testes

Todas as ideias são válidas, mas você só vai saber se realmente funcionam quando colocá-las em prática. Então, assim que identificar uma nova demanda dos seus clientes, busque receitas, converse com a sua equipe e mão na massa! Com os produtos prontos, faça divulgações (no local e nas redes sociais são um bom começo) e não se esqueça de oferecer degustações e promoções de lançamento, para incentivar a clientela.

4. Trabalhe o seu diferencial

O seu empreendimento deve ter algo que nenhum outro tem: o seu diferencial — senão, acredite, você não estaria mais trabalhando nesse ramo. O que faz o seu produto ser diferente? Pode ser os ingredientes de qualidade superior, a constante inovação, a oferta de itens saudáveis, o ambiente, entre outros.

Se ainda não identificou o que diferencia o seu negócio da concorrência, faça isso agora mesmo e explore essa oportunidade, seja utilizando mais o ingrediente secreto e divulgando as suas receitas únicas, seja aprimorando ainda mais o seu espaço.

Apostar em mix de produtos de sucesso é mais que uma ação, é uma estratégia essencial para atrair novos consumidores e fidelizar os antigos, conquistar mais fatia de mercado e, claro, manter-se no topo da preferência — todos esses, ingredientes indispensáveis para o sucesso!

Gostou deste post? Se o assunto confeitaria lhe interessa, você não pode deixar de conferir o nosso guia completo desse doce mercado!