Como calcular o lucro dos doces?

Ter dúvidas sobre como calcular o lucro dos doces é algo comum para iniciantes no mercado de confeitaria ou mesmo para quem já está na estrada há anos.

Um erro que pode impedir que você tenha um bom retorno sobre o investimento e até causar prejuízos ao seu negócio é se basear apenas nos preços dos ingredientes usados nas receitas. Portanto, é preciso entender alguns conceitos para colocar sua contabilidade em ordem.

Quer saber como calcular o lucro dos doces que você vende em casa ou na sua confeitaria? Acompanhe abaixo os principais elementos que precisam entrar na conta.

Controle custos e despesas

Os ingredientes usados nas receitas são apenas uma parte dos custos envolvidos na produção de doces. Para que elas sejam rentáveis, você precisa levar em consideração fatores que vão além da matéria-prima. Estamos falando de:

  • embalagens;
  • contas de água e energia;
  • gás de cozinha;
  • manutenção de equipamentos;
  • impostos;
  • taxas de máquinas de cartão de crédito;
  • produtos de limpeza;
  • aluguel do ponto comercial (se for o caso).

Depois de somar tudo o que gasta no preparo dos doces, divida pelo número de unidades produzidas. O resultado será o valor prévio de cada produto.

Considere a mão de obra

Incluir a mão de obra no cálculo de lucro é importante em termos financeiros e valoriza o seu trabalho. Imagine que você leva seis horas para ir ao mercado, produzir e embalar 50 brownies. Se uma confeiteira trabalha 220 horas e recebe R$ 1.100 mensais, quer dizer que a hora dela custa R$ 5.

Nesse caso, basta multiplicar esse valor pelo tempo dedicado a toda a produção dos brownies, o que dará R$ 30. Divida esse total pelo número de unidades (50), e o resultado será o acréscimo que cada brownie deve ter: R$ 0,60 — valor referente à mão de obra.

Defina a margem de lucro

A margem de lucro é o percentual do preço de um produto ou serviço que representa o quanto o seu negócio lucra. Trazendo para a sua realidade, corresponde ao que sobra para a empresa após o seu investimento na compra, produção e venda dos doces.

Quem trabalha no mercado de confeitaria costuma estabelecer uma porcentagem de 50% a 100% do valor do custo total para produzir.

Vamos retomar o exemplo da dica anterior: se o custo de um brownie foi R$ 2 (já incluso o valor da mão de obra) e você quer lucrar 100%, deve cobrar R$ 4 por unidade.

Pense no público-alvo

O público-alvo do negócio é mais um fator importante a ser analisado ao fazer o cálculo do lucro dos doces. Você quer que as pessoas comprem seus produtos, certo? Então, avalie não apenas as preferências de sabores, mas também o poder aquisitivo dos potenciais clientes.

Considere se vale mais a pena vender mais unidades por um preço menor, ou colocar um percentual de lucro mais alto que compense mesmo com menos vendas. De qualquer forma, faça uma pesquisa de mercado na sua região para decidir um preço justo para os consumidores e vantajoso para o seu negócio.

Agora que você sabe como calcular o lucro dos doces, invista também em estratégias para alavancar as vendas. Isso vai desde produzir fotos de qualidade para postar nas redes sociais até ampliar as formas de pagamento no seu negócio.

Além disso, busque bons fornecedores para trabalhar com os melhores produtos e faça cursos tanto para acompanhar as tendências do mercado como para aperfeiçoar suas receitas e sua gestão.

Para conferir mais conteúdos sobre confeitaria, siga a Mago nas redes sociais. Estamos no Instagram, no Facebook, no Pinterest e no YouTube.