Como criar um programa de fidelidade? 4 dicas para ter clientes fiéis!

Blog Mago

Já pensou no quanto o seu negócio poderia crescer se mais clientes voltassem? Um plano bem implementado auxilia na garantia de que isso ocorra. Assim, muitos empreendedores se perguntam como criar um programa de fidelidade, com o objetivo de oferecer benefícios para os frequentadores mais assíduos.

Esse programa consiste em um recurso que premia consumidores especiais por meio de sistemas de pontuações em que, quanto maior o volume de compras, mais pontos é possível acumular. Logo, a pontuação que o cliente atinge pode ser trocada por benefícios, recompensas e prêmios proporcionados pelo confeiteiro.

Se você deseja saber como criar um programa de fidelidade com algumas dicas simples, não perca o nosso post. Boa leitura!

1. Escolha recompensas atrativas e alinhadas ao perfil do público-alvo

A primeira etapa é definir quais serão as recompensas proporcionadas pelo programa de fidelidade aos consumidores. Assim, não basta saber qual o número de clientes o seu negócio tem.

É importante saber de modo mais apurado a respeito do seu perfil de consumo e das necessidades, já que essas informações podem servir de parâmetro no momento de decidir qual recompensa será mais atrativa para os clientes.

2. Estabeleça as regras do programa

Explicar como o programa de fidelidade funcionará é fundamental. Para isso, uma opção é criar uma página na qual você descreverá com clareza. Nas informações é necessário conter, pelo menos:

  • como os pontos serão resgatados;
  • como os pontos devem ser juntados para serem trocados pelas recompensas;
  • quanto os pontos valem;
  • quais os tipos de ações recompensadas;
  • o nome do programa.

O recomendado é que a página explicativa seja de fácil localização e que faça parte do seu menu de navegação. Com isso, ela atuará como um lembrete constante das suas especificações aos clientes. Quando mais visível for a política do programa, mais eficiente será.

3. Organize o sistema de pontuação

Uma estratégia séria exige um procedimento de grande confiabilidade. Logo, é possível afirmar que existem vários modos de controlar o sistema de pontuação dos consumidores com eficiência e segurança. Um exemplo é o cartão de fidelidade, com o qual, a cada compra, a confeitaria realiza um novo registro no sistema.

Com isso, quando o cartão for completado, os consumidores conquistarão o direito de resgatar a recompensa. No entanto, caso o estabelecimento use processos complexos, ou seja, muito grandes, é importante aderir a soluções tecnológicas, como um cartão magnético.

Além de passar uma credibilidade maior, você pode personalizá-lo com o nome do cliente e da confeitaria. Essa ação é simples, mas tem grande efeito de fidelização dos clientes.

4. Aumente a pontuação para um cliente especial

Uma boa dica que pode garantir o sucesso de um programa de fidelidade é aumentar a quantidade de pontos de consumidores especiais, como aqueles que pagam os produtos em dinheiro em vez do cartão de crédito ou débito.

Agora que você já sabe como criar um programa de fidelidade, lembre-se de seguir as nossas dicas para conseguir atingir o objetivo de ter consumidores fiéis e que recomendem o seu estabelecimento para outras pessoas.

Gostou deste conteúdo e quer conferir as nossas publicações? Então, curta a nossa página do Facebook!